IMPERATRIZ- Nova comissão da saúde, composta por três vereadores da CPI. - REMOCIF

REMOCIF

POLITICA E ENTRETENIMENTO


Ultimas Noticias

Publicidade

Post Top Ad

terça-feira, 18 de junho de 2019

IMPERATRIZ- Nova comissão da saúde, composta por três vereadores da CPI.

A Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI), instaurada para investigar possíveis irregularidades no setor da saúde em Imperatriz, teve sua segunda reunião nesta terça-feira, 18. Os vereadores, que procuraram desde o início aprovar a investigação, compõem a nova formação da Comissão da Saúde da Câmara.  

Com a alteração, integram a Comissão da Saúde da Câmara os vereadores: Carlos Hermes, sargento Adelino, Ditola, Pimentel, Ademar Freitas. Bebé Taxista e Aurélio Gomes ficaram como suplentes.  

Segundo Carlos Hermes, no dia 14 de junho, tiveram a primeira reunião da CPI que foi estabelecido as linhas gerais de investigação: metodologia, diligências, quais pessoas seriam convocadas e definição da equipe auxiliar.  

“Na tarde desta terça detalhamos a forma de convocatória das pessoas que vai envolver as autoridades e os funcionários para depor. Claro que as informações do roteiro das diligências não serão públicas; a ideia é fazer visitas surpresas em órgãos que possam nos dar resposta para aquilo que nós estamos investigando que é o gerenciamento”, destaca. 

O vereador ressalta que a oposição propôs os nomes dos vereadores da Comissão de Saúde da Câmara. “Com base no regimento da Câmara, o presidente José Carlos acatou a nova formação. O vereador Bebé não pode participar porque era o proponente, fez o requerimento”.  

Ressalta ainda que sua participação será a oportunidade de fiscalizar o maior ‘gargalo do município’, que é a saúde. “Fomos no primeiro momento isolados de participar das comissões e agora teremos a condição de estar no comando e à frente do principal problema de Imperatriz que é saúde”, enfatiza. 

O promotor Newton Bello expressou durante a CPI o interesse do órgão em acompanhar o processo. “Não posso exercer qualquer ato dentro da investigação, estou acompanhando. É público e notório a situação e o MP tem tomado medida para amenizar os danos. Inclusive foi realizado uma apresentação sobre os atos feitos pelo MP para que a população tomasse conhecimento de que estamos ativos nesse processo”. 

Por fim, na reunião foi aprovada a lista dos convocados para prestar esclarecimentos e agendada a primeira diligência que será sexta-feira, 21, a partir das 9h, no Socorrão. Além dos vereadores e promotor, marcou presença representantes da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) Fábio Santana Santos e Jaqueline Carneiro, que compõe a Comissão de direito a saúde. 

 

Fonte: Correio.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Bottom Ad

Pages