Gov.Edison Lobão - A valorização dos profissionais da saúde é necessário, afirmou Hamilton Miranda - Aprovação da lei de redução de carga horária. - REMOCIF

REMOCIF

POLITICA E ENTRETENIMENTO


Ultimas Noticias

Publicidade

Post Top Ad

sexta-feira, 20 de março de 2020

Gov.Edison Lobão - A valorização dos profissionais da saúde é necessário, afirmou Hamilton Miranda - Aprovação da lei de redução de carga horária.


Vereador Hamilton Miranda, relata à aprovação do projeto de lei que reduz a carga horária de profissionais da saúde. 





A valorização dos profissionais da saúde é algo necessário, tendo em vista a necessidade constante de olhar para todas às classes de profissionais e perceber a importância de cada um em seus respectivos cargos.

Educação, saúde, infraestrutra entre outros profissionais que movimentam o município "Fazem o município andar", todos são servidores públicos  que precisam de valorização e dignidade no exercício de suas funções, inclusive  em momentos difíceis como esse, diante uma crise na saúde ( desvalorização),( Salários atrasados), mesmo assim os fortes guerreiros da saúde estão sempre prontos para cumprirem com seu papel.

O atual prefeito, não olha para os servidores públicos como tende olhar, pra ele, servidores públicos são despesas, aparentemente seja, mas são eles quem fazem qualquer prefeito ter uma boa gestão, mero engano do prefeito que tenha esse pensamento de não valorização dos servidores publicos.  Pois os serviços públicos funcionam de acordo com a forma que o gestor leva, se os servidores públicos estiverem satisfeitos, valorizados, aí sim! Ambos contribuem em uma boa gestão.

A Saúde e Educação, são o carro chefe de diversas Prefeituras, inclusive em cidade de pequeno porte. Mas o atual Prefeito, resolveu cortar pela raiz a valorização dos profissionais da saúde, enquanto os Vereadores aprovaram uma lei de redução de carga horária, o Prefeito vai lá e derruba a lei.

Vamos lutar por dias melhores, vamos buscar melhores gestores e acima de tudo, Humanos e sensíveis pelas causas coletivas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Bottom Ad

Pages